“Família CIC” Reúne-se para Celebrar o Natal

CIC
23/12/2021

Como dizia o Professor Filipe Coutinho, elemento do Conselho Pastoral e de Gestão de Projetos e Causas – órgão responsável pela implementação na vida do Colégio das linhas estruturantes do Ideário e da Identidade Cristã, uma identidade que se funda e enxerta nos princípios básicos do Cristianismo –, o CIC não podia deixar passar este Natal sem reunir toda a Comunidade Educativa.
Desta forma, através da plataforma “Teams”, pelas 21h30 do dia 22 de dezembro, a Comunidade Educativa “encontrou-se” para Celebrar o Natal em Família.

 

Este momento surgiu como mais uma etapa até ao Natal, um caminho baseado no Evangelho de S. Lucas, já realizado com os alunos durante o Advento e que terminou na Celebração de Natal no dia 15, em quatro momentos, e que se reviveu nesta noite de Oração em Família.


No primeiro momento, o momento do “Convite” que foi dirigido a Maria para ser mãe de Jesus – Maria disse “Sim”; Deus também nos lança este convite de irmos ao Seu Encontro, através do Presépio; caminho que nem sempre é fácil, o que nos leva a refletir sobre o segundo e terceiro momentos: as dificuldades que vamos encontrando durante este percurso; por vezes, erramos, pelo que há momentos que gostaríamos de apagar das nossas vidas, por isso somos desafiados a fazermos uma autoavaliação e a preservamos os momentos em que estivemos disponíveis uns para os outros, momentos em que fizemos a experiência do Amor de Deus por nós que nasce no Presépio – um Amor de Pai.


No quarto momento, dá-se o Encontro com Jesus, celebra-se o Natal, Deus encarna em Jesus no Ministério do Natal.


Após a leitura do Evangelho de S. Lucas, proclamada pelo Pe. José Maia, Presidente do Conselho Diretivo do CIC, o mesmo quis deixar-nos uma breve mensagem de Natal.


Começou por dizer que temos dificuldade em compreender o Mistério do Natal, acontecimento que existe desde sempre como Projeto de Deus – que o Natal é uma segunda oportunidade de nos reconciliamos com Ele –, continuou dizendo que o Natal é um Projeto de Sociedade, o Natal é muito mais que um local, é um grande Mistério, é uma forma que Deus encontrou de não nos abandonar; Jesus Cristo é uma alternativa, não havia um lugar digno para eles, por isso nasceu num Presépio, num lugar humilde. Este caminho até Jesus é uma forma de Espiritualidade, a proposta Cristã é uma alternativa de orientação (muitas vezes vemos a sociedade desorientada), é um caminho que faz todo o sentido.


Prosseguiu expondo que Deus não desiste de nós – é a lógica do Amor –, sendo o Natal um Projeto de Amor. Começou a concluir dizendo que o Natal é cada vez mais atual (a realidade dos tempos de Maria e José é muito similar à dos dias de hoje), que estamos, mais do que num tempo de mudança, numa mudança de tempo, já que existe um tempo humano e um tempo Divino, o “Kairós”, o tempo certo (tempo espiritual e único), um tempo de Esperança, uma Esperança que tem um nome – JESUS. Deus está a olhar para o mundo e dá-nos uma nova oportunidade a caminho do Presépio.


Terminou dizendo que vamos continuar a fazer com que o CIC seja uma Escola de Esperança – Um projeto verdadeiramente Cristão.


Este “encontro” em Família terminou com uma oração de Natal em conjunto.


O Caminho continua a partir do Presépio, o grande desafio que este Projeto de Amor nos coloca é que nos transformemos a partir do Presépio e que construamos uma nova humanidade, uma humanidade com espaço para acolher o Deus que se faz Homem no coração de cada um de nós.


VOTOS DE UM SANTO NATAL E DE UM 2022 PLENO DE ESPERANÇA!

 

CIC