UM LIVRO POR SEMANA: O País das Uvas

Sugestão de Rodrigo Guedes Oliveira, do 10.º H2
14/01/2022

Fialho de Almeida, jornalista, escritor e tradutor pós-romântico português, escreveu diversas obras, tais como “Os Gatos”, “Contos” ou até mesmo “A Cidade do Vício”, mas a que vou apresentar nesta apreciação crítica é “O País das Uvas”.

 

Nesta obra, estão reunidos uma série de 21 contos passados não apenas na terra natal de José Fialho de Almeida (Vila de Frades), mas, sim, um pouco por todo o Alentejo. Nos três primeiros contos (“Pelos campos”, “Ao sol” e “As Vindimas”), é feita, maioritariamente, a descrição dos campos da região (“Pelos campos”), a vida de um camponês na aldeia no mês de agosto (“Ao sol”) e é também referida a mitologia de Baco e a cultura do vinho (“As Vindimas”).


Neste livro, temos também alguns contos para os mais românticos, tais como "Amores de Sevilhano", que fala sobre a paixão de verão de uma jovem portuguesa por um espanhol e, até, algumas tragédias como "O Filho" que conta a trágica história da mulher que espera o filho na estação de comboios, mas que ele nunca mais voltou, pois tinha falecido.


Para terminar, este não é de todo um livro de leitura fácil, já que o autor usa bastantes palavras “caras” e requintadas, mas, apesar de pensar em desistir de o ler, continuei e não me arrependi. Drama, tragédia, romance e até fantasia são o que fazem deste livro uma caixinha de surpresas, onde nunca sabemos o que está por vir e garanto que não ficarás desiludido se o leres!

 

Título: “O País das Uvas”
Autor: Fialho De Almeida
Editora: Ulisseia
Modo/género literário: Narrativo/Contos

 


Sugestão de leitura do aluno Rodrigo Guedes Oliveira, , do 10.º H2